sexta-feira, 6 de julho de 2012

PAPER MODEL - MODELISMO EM PAPEL

  DOIS FORA DE ESTRADA BRASILEIROS 
QUE MARCARAM ÉPOCA 


CANDANGO


VERSÃO NACIONAL DO OFF ROAD ALEMÃO MUNGA, O CANDANGO FOI PRODUIZO PELA VEMAG SOB LICENÇA DA FÁBRICA ALEMÃ DKW ENTRE OUTUBRO DE 1956 A DEZEMBRO DE 1968 NUM TOTAL ESTIMADO DE 5607 UNIDADES..
O NOME CANDANGO, FOI DADO EM HOMENAGEM AOS OPERÁRIOS QUE PARTICIPARAM DA CONSTRUÇÃO DE BRASILIA E QUE ERAM CHAMADOS DE CANDANGOS


A VERSÃO ALEMà “MUNGA” FOI UM VEICULO OFF ROAD QUE TEVE MUITO SUCESSO ENTRE AS FORÇAS ARMADAS INTEGRANTES DA OTAN – ORGANIZAÇÃO DO TRATADO ATLANTICO NORTE, AO CONTRARIO DO QUE OCORRERIA AQUI NO BRASIL COM O CANDANGO, QUE NÃO DESPERTOU GRANDE INTERESSE POR PARTE DOS MILITARES. EM RAZÃO DESTE FATO O CANDANGO  FOI PREMATURAMENTE RETIRADO DE PRODUÇÃO. ESTIMA-SE QUE ATÉ A SUA PRODUÇÃO SER TOTALMENTE DESATIVADA
OS CANDANGOS PRODUZIDOS PELA VEMAG, ERAM ENTREGUES SOMENTE COM CAPOTA DE LONA. AS VERSÕES COM CAPOTA DE AÇO, ERAM VERSÕES EQUIPADAS POR FABRICANTES INDEPENDENTES, RAZÃO PELA QUAL HAVIAM DIFERENTES MODELOS DE CAPOTA DE AÇO.



CANDANGO EM PAPEL



É NECESSARIO CADASTRAR-SE  PARA OBTER A SENHA PARA DOWNLOAD


XAVANTE  X12


EM 1975 ERA APRESENTADO PARA O MERCADO BRASILEIRO DE OFF ROAD O XAVANTE X12, FABRICADO PELA GURGEL MOTORES S/A,  UMA FABRICANTE DE AUTOMOVEIS 100% NACIONAIS DESENVOLVIDOS  PELO ENGENHEIRO JOÃO AUGUSTO CONRADO DO AMARAL GURGEL.



DURANTE OS 27 ANOS DE EXISTÊNCIA DA GURGEL MOTORES S/A., FORAM PRODUZIDOS APROXIMADAMANTE 43 MIL VEICULOS GENUINAMENTE BRASILEIROS  E DURANTE TODO ESTE PERÍODO, O XAVANTE X12 PERDUROU NA PRODUÇÃO.

XAVANTE X-12  EM PAPEL



=========================
 

Um comentário:

  1. Fabiani C Gargioni #27sexta-feira, 06 julho, 2012

    O Gurgel é um bravo representante da nossa verdadeira INDÚSTRIA BRASILEIRA, legal as tuas papers Hiper!!!

    ResponderExcluir

Muito obrigado por prestigiar o meu blog.
Seu comentário é de grande valor para mim.
Após comentário, não esqueça de se identificar.
Infelizmente correspondências anonimas não poderão ser mais consideradas.